Quanto custa comer na Expo Milão

Quando o assunto é quanto custa comer na Expo Milão, aqui na Itália só se fala na conta do restaurante do Japão de € 115 por um prato de comida e uma água mineral que alguém publicou em alguma rede social.
Restaurante japonês na Expo Onde comer na Expo Milão Dicas da Expo Milano O tema está na boca do povo de um jeito que as pessoas já contam a história como se tivesse acontecido com um amigo, quando na verdade não sabem nada sobre a origem do fato, nem sobre o famoso restaurante.

Em poucas palavras: comer na Expo ficou caro. Mas não é bem assim.

Em primeiro lugar, o Minokichi, o tal restaurante japonês, fundado em 1716, é bastante conceituado em Kyoto e a filial no pavilhão do Japão na Expo também é exclusiva: são apenas 22 lugares, sendo a reserva prévia obrigatória, e o prato de € 110, uma combinação de 11 degustações de receitas japonesas tradicionais elaboradas por um restaurante com quase 300 anos de história.
No entanto, esse não é o único restaurante no pavilhão do Japão, ao lado dele tem um outro com preços normais.
onde comer barato expo Milão 2015Não entendo o porquê de tanta polêmica, em todas as cidades do mundo acontece o mesmo: restaurantes mais caros e mais baratos para especialidades gastronômicas similares. O que determina o preço é a qualidade da comida, a apresentação dos pratos, a localização do restaurante, as habilitações do cozinheiro e as estrelas a ele atribuídas.

O que eu quero dizer com isso: se você quiser fazer uma refeição exclusiva na Expo, você encontrará opções disponíveis, se você estiver a fim de algo mais econômico, também encontrará inúmeras outras opções.

A conta do restaurante do Japão virou notícia, mas o preço da cerveja (€ 0,89) no supermercado do futuro não. O Coop não é só um projeto de supermercado do futuro, mas um supermercado de verdade onde você pode fazer compras dentro da Expo.
dicas comer barato na expo MilãoO que você encontrará no Coop? O mesmo que você encontra nos supermercados normais nas seções de comida e bebida. Ou seja, no Coop você poderá comprar vinhos a partir de € 4, cervejas, iogurtes, frutas, pães, queijos, salames, presuntos, salgadinhos e muito mais a preços bastante acessíveis.
E as opções de comida barata não se resumem ao supermercado, por exemplo, no restaurante do pavilhão marroquino um prato de tajine de cordeiro ou de frango custa €8, as comidas de rua da Holanda custam no máximo €9,5, um prato de frango com cogumelos custa € 8 no pavilhão chinês, sem falar nas inúmeras opções de comida italiana a preços acessíveis espalhadas pelo espaço expositivo.
Voltando ao tema dos restaurantes exclusivos, um dos destaques do evento é o restaurante Identidade Expo, pilotado por chefes estrelados, que funciona de quarta a domingo das 12:30 min. às 15:30 min. e das 19:30 min. às 22:30 minutos. O menu degustação, composto por 4 pratos acompanhados de vinho, custa € 75 no almoço e € 90 no jantar e tendo em vista o calibre dos chefs, isso sim, é que é uma verdadeira pechincha.

2 Responses

  1. Vasti Amaro Oliveira Lima disse:

    Vou visitar a mican feira de calçados em Milão .quero saber o que levar na mala

    At
    Vasti Lima

    • Simone Betoni disse:

      Vasti, agora está fazendo calor em Milão e o verão ainda nem começou.
      Aposte em roupas leves e sapatos confortáveis e traga um casaquinho para a noite.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.