O que fazer no bairro Magenta em Milão

Coração da burguesia milanesa do século XIX, a longa avenida Magenta começa depois da via Meravigli e vai até a praça Francesco Barraca, onde, no passado, ficava a Porta Magenta, uma das antigas portas de entrada da cidade.

Além de ser o endereço do famoso Cenáculo de Leonardo Da Vinci, a elegante corso Magenta revela algumas surpresas.

O lago de Como fica pertinho de Milão e é um dos lugares mais incríveis da Itália. Não perca a oportunidade de fazer um passeio de barco exclusivo por Varenna e Bellagio, simplesmente mágico, inesquecível. Você vai se apaixonar.

O que fazer no bairro Magenta em Milão O que fazer no bairro Magenta em MilãoO que fazer no bairro Magenta em Milão

A primeira delas é a San Maurizio, a versão milanesa da capela Sistina, com entrada gratuita e sem filas.

A igreja começou a ser construída em 1503 dentro de um dos mosteiros femininos mais antigos e renomados de Milão e é composta de três partes: uma cripta, que hoje faz parte do percurso do museu arqueológico, uma sala pequena destinada aos fiéis e emoldurada por 8 capelas laterais, e uma sala grande, que pertencia ao claustro onde só as freiras tinham acesso.

A San Maurizio abre de terça a domingo das 9:30 min. às 19:30 minutos.

Provavelmente, você só virá a Milão uma vez, não deixe de conhecer o terraço do duomo, que tem uma das vistas mais bonitas da cidade e quase ninguém conhece, garanto que você vai adorar.

O que fazer no bairro Magenta em Milão O que fazer no bairro Magenta em MilãoSe você chegar por ali antes das nove e meia, aproveite para tomar um café e comer um pudim de arroz (budino de riso) na histórica confeitaria Marchesi.
O que fazer no bairro Magenta em MilãoA 250 metros da confeitaria Marchesi, passando pelas ruínas do palácio do imperador Maximiano construído no século III, está a sede da Bolsa de Valores italiana com a irreverente estátua L.O.V.E. de Maurizio Cattelan em frente.   
O que fazer no bairro Magenta em MilãoA Da Zero, uma das melhores pizzarias de Milão, também fica por perto, mais precisamente no número 9 da via Bernardino Luini.
Voltando à corso Magenta, a parada obrigatória é o complexo Santa Maria delle Grazie, que abriga A última Ceia de Da Vinci numa das paredes do antigo refeitório.

Compre a entrada para o Cenáculo com bastante antecedência, os bilhetes são muito concorridos e só são vendidos on line.

Mesmo que você não entenda nada de pintura, não deixe de visitar o Cenáculo em Milão, A última ceia de Leonardo Da Vinci é uma obra-prima única no mundo, que deu início a uma nova era na história da arte.

A última ceia de Leonardo da Vinci em Milão ItáliaEm frente à igreja Santa Maria delle Grazie, está a vinha de Leonardo.

O passeio guiado pela antiga propriedade de Da Vinci dura meia hora e a entrada custa € 10.

O museu abre todos os dias das 9:00 h. às 18:00 horas.

 

2 Responses

  1. Cristiane disse:

    Boa noite !! Gostaríamos de agendar um tour com vcs !!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.