Viajar pela Itália: de Milão a Bréscia

by · 22/09/2014

Bréscia é linda, é encantada, é romântica, é histórica, é pequeninha, não dá vontade de ir embora… E a minha sugestão é que você fique. Reserve um hotel e aproveite a noite na cidade. Faça um aperitivo. Escolha um dos restaurantes charmosos e desfrute a atmosfera mágica.
Viajar pela Itália - de Milão a Brescia 81Viajar pela Itália - de Milão a Brescia 82Viajar pela Itália - de Milão a Brescia 83Viajar pela Itália - de Milão a Brescia 84

Um pouco de história: habitada desde a idade do Bronze pelos ligúrios, etruscos e celtas, Bréscia conquistou o título de colônia romana em 27 a.C..
Com o declínio do Império Romano, tornou-se capital de um importante ducado lombardo em VI d.C..
Por volta do século XI, Bréscia foi reconhecida como uma cidade livre.
No começo do século XIII, foi disputada por Milão e por Veneza.
Foi dominada pelos Visconti, pelos venezianos e pelos franceses. Com a queda de Napoleão, passou a ser governada pelos austríacos. Em 1849, rebelou-se contra o domínio austríaco, conquistando o apelido de leoa da Itália. Em 1859, foi anexada ao Reino da Itália, tornando-se um importante polo industrial.
Foi integrada à rede ferroviária lombarda em 1853.
Entre o anos de 1927 e 1932, teve uma parte do centro histórico medieval demolida para dar lugar à praça Vitória, emblema da arquitetura fascista.

De Milão a Bréscia Bréscia fica a pouco mais de 100 quilômetros de Milão, a 50 quilômetros de Bérgamo e a 70 quilômetros da romântica Verona. Para ir de Milão a Bréscia de carro, é só pegar a estrada A4 Milão-Veneza, o valor do pedágio fica em torno dos 7 euros.
Para os que preferirem ir de trem, as passagens de Milão a Bréscia custam em torno de € 14 (ida e volta).
Os trens saem de diversas estações de Milão, entre elas Cadorna, Garibaldi e Milano Centrale e do aeroporto Malpensa (o custo da passagem de Malpensa a Bréscia é de € 9,90 por trajeto).

Dica: pegue o trem em Milano Centrale, é a única estação em que o trem vai direto para Brescia. Nas outras estações, você terá que trocar de trem pelo menos uma vez.
A estação do trem em Bréscia fica bem próxima do centro da cidade.

>>> Reserve o seu hotel em Brescia aqui

O que fazer em Bréscia

Os principais pontos turísticos de Bréscia são: o museu Santa Giulia, originalmente, um mosteiro feminino da ordem beneditina, construído durante o reinado de Desiderio em 753 d.C., que compreende a basílica de San Salvatore, o oratório de Santa Maria in Solario, a igreja de Santa Giulia e o coro das freiras.

A praça della Loggia – projetada na época do Renascimento italiano, começou a ser construída no final do século XV e foi finalizada em 1574. Ao redor da praça, os destaques são os edifícios em estilo veneziano do século XVI e, sobretudo, o palácio della Loggia e a torre do relógio (1546) com duas estátuas masculinas de bronze no alto, conhecidas como i macc de le ure (os loucos das horas), que marcam as horas do dia batendo o martelo no sino.

Piazza della Loggia

Piazza della Loggia

Torre do Relógio na praça della Loggia

Torre do Relógio na praça della Loggia

A piazza Paolo VI – a praça, de origem medieval, é o coração da cidade devido à importância dos edifícios históricos nela presentes como o palácio Broletto (1223-1227), a torre cívica, o Duomo Vecchio, construído no final do século XI sobre as ruínas da basílica de Santa Maria Maggiore e o Duomo Nuovo, que levou mais de 200 anos para ficar pronto (1604-1825).

Duomo Vecchio

Duomo Vecchio

Duomo Nuovo, Palazzo del Broletto e Torre Cívica

Duomo Nuovo, Palazzo del Broletto e Torre Cívica

praça della Vittoria – projetada pelo arquiteto romano Marcello Piacentini e inaugurada em 1932, representa a arquitetura do período fascista e abrange o palácio do correio italiano, a torre da revolução e o torreão (Torrione), um dos primeiros arranha-céus da Itália com 60 metros de altura.

Piazza della Vittoria

Piazza della Vittoria

O Capitólio e o Foro românico – no centro de Bréscia, encontra-se uma área arqueológica onde ainda são visíveis os edifícios mais antigos e mais importantes da cidade: o santuário da época republicana (século I a.C.), o capitólio (73 d.C.) e o teatro (I-III d.C.).

Capitolium e Foro Romano

Capitólio e Foro românico

O castelo de Bréscia – que domina a cidade do alto e, além da bela vista, abriga os museus delle Armi e do Risorgimento.

Castelo de Brescia

Castelo de Bréscia

Vista do Castelo de Brescia

Vista do Castelo de Bréscia

Ainda sem hotel? Faça a sua reserva para Bréscia, para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui.
Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.



Booking.com

Artigos relacionados:

31 Comentários

  1. PAMELLA ANDRADE disse:

    Qual o valor dos Museus em Bréscia?

  2. Fábio Ricardo Fraga Montano disse:

    Excelente, parabéns.

  3. Silvia disse:

    Simone bom dia em brescia e verona tem onde estacionar sem pgto? Ou vc sabe o valor?

    • Simone Betoni disse:

      Olá Sílvia, tem onde estacionar sem pagar, mas não perto do centro. Não sei exatamente o valor do estacionamento, mas acredito que em torno de 2 euros por hora.
      Abraço,

  4. Sulamita Silva disse:

    Estou na IT há 2 meses exatamente nos arredores de Brescia. Vim para estudar e viajar.
    Amei tuas orientaçoes ….muito claro, simples e instrutiva. Interessante você incluir história local. Parabéns !
    Hoje voltei de Bologna de Trem Italo …excelente!
    Estou enviando esse link pra várias pessoas que estão me seguindo em pequenos grupos de amigos e parentes.

  5. Fernanda disse:

    Olá Muito Legal seu Blog , explica muito bem , tira muitas dúvidas , estarei indo dia 12 de dezembro e ficaremos alguns dias em Milão , como no Brasil as temperaturas , mesmo no inverno são mais amenas que na Italia , não tenho casacos para frio rigoroso , na Italia consigo encontrar moda Plus Size com facilidade ?

  6. Marisa Ferrari disse:

    Olá, Simone

    Pretendo ir à Milão no ano que vem e gostaria de conhecer Brescia, Veneza e Verona pelo menos. Gosto de viajar de trem e em algumas cidades, acho legal passar uma noite, mas fica o problema das grandes malas. Fiz isso há dois anos de Roma à Assisi e à Toscana e tive sorte, porque poderia ter sido um problema. O que vc aconselha?

    • Simone Betoni disse:

      Olá Marisa, os trens no norte da Itália são fantásticos, além disso, as estações de Bréscia, Verona e Veneza são bem centrais, você não terá dificuldade nenhuma com as malas, pode marcar a viagem 😉
      Abraço,

  7. Elisa disse:

    Já morei em.cidades floridas e mais encantadas como na Alemanha e seu lindo castelo de Neuschwanstein.que enanto.acho toda essa paisagem italianamuito enfadonha deve ser tedioso morar num lugar assim

  8. gustavo rizzo ricardo disse:

    Olá Simone, estou indo em maio com minha esposa e filha de um ano e meio. Sugestões para passeios com a bebê? Obrigado.

    • Simone Betoni disse:

      Eita Gustavo, essa eu vou ficar te devendo.
      As minhas viagens para Bréscia são sempre para visitar igrejas, museus, caminhar pela cidade e comer bem, só com adultos, confesso que estou por fora dos roteiros infantis.
      Abraço,

  9. Andrea disse:

    Olá Simone,
    Vou a Milão ano que vem e pretendo conhecer algumas cidades proximas, como Brescia e Bergamo. Pelo que li nos diversos post’s, basta comprar o bilhete na estação central de Milão, pois a viagem é curta, porém nenhum deles fala como devo fazer, ou seja, preciso comprar com antecedência ou basta me dirigir a uma das máquinas da estação central que o trem sai com frequencia?
    Você pode me ajudar?
    Grata,
    Andréa

  10. Ivan Rossetti disse:

    Poderia nos informar se há facilidade de contatarmos um táxi para nos levar de Brescia até uma vinícola em Franciacorta . Pretendemos ficar em Milão e passearmos um dia por essa região .Muito obrigado

  11. gleidson antonio disse:

    querida Simone, gostaria de conhecer Brescia. qual o melhor momento do ano para curtir tudo que a cidade possa nos proporcionar? como faço para chegar saindo do Brasil? você tem ideia de gastos? passagens saindo do Nordeste do Brasil, hospedagem, transporte, alimentação? grato!

  12. Mazelia Manfrin disse:

    Olá Simoni!

    Pretendo ir de Milão para Iseo de trem. Para isso devo comprar o bilhete na estação Centrale de Milão até Brescia. De Brescia para Iseo como devo proceder? Ficarei grata se puder ajudar-me.
    Abraços.

    • Simone Betoni disse:

      Olá Mazelia, tudo bem? Você pode comprar o bilhete para Iseo tanto em Milão quanto em Brescia (trenord.it). Se for de Milão a Iseo (1h48min.) terá que trocar de trem em Bréscia, de Bréscia a Iseo é direto (30 minutos).
      Abraço,

  13. ARLETE ROSSINI MATOS disse:

    QUERIA SABER SOBRE A FAMILIA ROSSINI ,O MEU NONO NASCEU ,NA ITALIA…

  14. liliana Denise Datteri disse:

    emocionante…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *