O pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015

by · 19/05/2015

O pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015 não é o mais bonito, mas sem dúvida nenhuma, é o mais divertido.
Para entrar, tem que se atravessar uma rede suspensa. Não tem como fugir, não tem outra entrada.
Não tem como não se divertir, não vi nenhuma pessoa caminhando nas redes sem sorrir.
O pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015Conceito: baseado no tema Alimentar o mundo com soluções, o Brasil valeu-se da rede como metáfora – flexibilidade, fluidez e descentralização – para mostrar a conexão e integração entre indivíduos que compartilham a mesma missão com parceiros capazes de estreitar sinergias em busca de um propósito.

A organização em rede, ao contrário das estruturas organizadas uniformemente, possibilita a convivência natural entre a diversidade, mantendo e valorizando as particularidades das pessoas envolvidas, alinhando-se à visão contemporânea de sociedade.

A estrutura interna do pavilhão representa unidade, conexão e troca, troca de ideias e projetos, troca de reflexões acerca do tema Alimentar o planeta, energia para a vida.

Assim como o movimento de um único visitante que caminha pela rede influencia o movimento dos outros visitantes, uma escolha individual também pode condicionar as escolhas de outras pessoas.
Pavilhão Brasil na Expo 2015 A arquitetura do pavilhão: num espaço de 4133 metros quadrados, o Brasil mostra um conjunto de soluções, relacionadas a sua capacidade tecnológica no âmbito agrícola, capaz de aumentar a produção e exportação de alimentos, atendendo as necessidades da população sem desvalorizar o recurso mais importante do país: a biodiversidade, fundamental para o equilíbrio de todo o planeta.

A participação do Brasil na Expo baseia-se em 3 aspectos fundamentais: o tecnológico, para mostrar a evolução tecnológica e transmitir confiança como um possível parceiro eficiente e inovador; o cultural, para enfatizar a pluralidade do país através dos diferentes tipos de alimentos e da culinária existentes; e o social, para estender a democratização dos alimentos garantindo uma alimentação suficiente e saudável para todos.

Baseado no conceito de lado criativo (direito) e lógico (esquerdo) do cérebro, na parte esquerda do primeiro andar, é exibido um vídeo ao longo dos 56 metros, do lado direito, estão expostos alguns produtos da agropecuária brasileira.
No segundo andar, encontram-se as salas de reuniões e o restaurante.
No térreo, uma projeção, um auditório, uma lojinha, um bar e um jardim com plantas brasileiras.

Destaque: a rede interativa que liga os 3 andares do pavilhão.
Acredito que a maior parte dos visitantes não sabia do simbolismo da rede, mas divertiu-se pulando, jogando-se ou simplesmente caminhando nela.
Os sorrisos e a alegria das pessoas remeteram-me ao Brasil e logo na entrada, tive a certeza de que o meu país estava muito bem representado.

>>> Procure o seu hotel para EXPO Milão aqui

>>> Compre o seu ingresso para EXPO Milão aqui  (Leia as instruções aqui).

Compre aqui o seu bilhete com translado para a Expo Milão 2015.

O pavilhão do Brasil na Expo Milão 2015 Ainda sem hotel? Faça a sua reserva para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui.
Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.



Booking.com

Artigos relacionados:

1 Comentário

  1. 08/07/2015

    […] pavilhão do Brasil, o mais divertido de todos, agora tem duas entradas: uma pela rede suspensa e uma outra por um […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *