O Cemitério Monumental de Milão

by · 02/11/2014

Dia 2 de novembro, assim como no Brasil, é dia de finados na Itália.
Eu sei que parece indiada, mas o cemitério Monumental de Milão é realmente monumental! Vale a pena conferir.
Passeio-turistico-O-Cemitério-Monumental-de-MilãoUm pouco de história: o Cemitério Monumental não é apenas um cemitério, é um verdadeiro museu ao ar livre que representa os eventos históricos da cidade e a vida dos seus protagonistas.
Inaugurado em 1866, sob o projeto de Carlo Francesco Maciachini, conta com uma extensão de mais de 250.000 metros quadrados.
A partir da monumentalidade da estrutura clássica inicial, passa-se dos anos 70 do século XIX a novas tendências estilísticas e a temas mais abertos ao realismo, com base nas exigências de autorrepresentação dos concessionários das sepulturas.
Os temas iconográficos são variados, vão desde a porta entreaberta, passagem misteriosa ao mundo extraterrestre, até à representação dos valores laicos e civis.

o-que-fazer-em-milão-O-Cemitério-Monumental-monumentos-gratuito-de-milãoNos anos 90, o Simbolismo, prelúdio do Liberty, adere a um estilo novo, mais harmônico e com obras mais refinadas.
No período entre guerras, a arte funerária continua a absorver grande parte da atividade dos escultores milaneses, abrangendo a expressividade de Adolfo Wildt e a corporeidade de Carlo Bonomi. Os anos 40 começam com a classe e a leveza formal de Arturo Martini e Lucio Fontana.
Nos últimos anos do século XX, o cemitério acolheu as obras dos maiores escultores contemporâneos como Luciano Minguzzi, Francesco Messina, Giacomo Manzù, Floriano Bodini, Giò Pomodoro.
o-que-ver-em-milão-passeio-de-graça-no-Cemitério-Monumental-de-MilãoO Historicismo e o Ecletismo Tardio são representados nas obras de Carlo Maciachini, Luca Beltrami e Gaetano Moretti, o estilo Liberty é muito bem retratado por Giuseppe Sommaruga, Ernesto Pirovano e Ulisse Stacchini e exemplos importantes da arquitetura milanesa do período entre guerras, que oscilam entre o Novecento clássico e o Racionalismo, são encontrados nos trabalhos de Mezzanotte, Piero Portaluppi, Giò Ponti, BBPR, Luigi Figini e Gino Pollini.
turismo-em-Milão-Cemitério-Monumental-dicasHorário de funcionamento: de terça a domingo das 8:00 h. às 18:00 horas. Entrada gratuita.
Endereço: Piazzale Cimitero Monumentale.
Metrô: linha roxa, estação Monumentale.

Ainda sem hotel? Faça a sua reserva para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui.
Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.



Booking.com

Artigos relacionados:

1 Comentário

  1. 21/03/2015

    […] primeira vista, pode parecer indiada, mas a verdade é que o cemitério monumental de Milão é realmente monumental. É um museu gigante ao ar livre que retrata a história e arquitetura da […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *