O castelo dell’ovo em Nápoles: história e lendas

by · 24/01/2016

O castelo do ovo fica na antiga ilha de Megaride ao longo da avenida litorânea de Nápoles.
Reza a lenda que, no século VIII a.C., Virgílio escondeu um ovo mágico num vaso dentro de uma gaiola em algum lugar secreto no porão do castelo e que esse ovo protegeria a cidade de catástrofes e perigos.
Turismo em Nápoles Itália pontos turistico de Nápoles
Com a chegada dos romanos a Nápoles, a ilha de Megaride passou a fazer parte do palácio do patrício romano Lucio Licinio Lucullo, que se estendia até Santa Lucia e abrigava o jardim das delícias, composto de cerejeiras e pessegueiros (frutas até então desconhecidas na região) e a primeira biblioteca do mundo romano.

Após a morte de Lucio, o palácio perdeu a importância cultural e transformou-se em fortaleza com a chegada do imperador Valentiniano III.
o que visitar em Nápoles em 1 diaEm 476 d.C., Odoacro, rei da tribo germânica dos hérulos, depôs o último imperador romano do Ocidente, Rômulo Augusto, aprisionando-o na fortaleza até a morte.

No final do século V, uma pequena comunidade de monges bizantinos da ordem de San Basílio estabeleceu-se na ilha e construiu a igreja de São Pedro, que adquiriu um caráter sagrado com o advento de Santa Patrícia.
Santa Patrícia, sobrinha do imperador Constantino (o Grande), foi educada nos moldes cristãos da corte imperial e fez voto de castidade quando ainda era pequena. Contra a sua vontade, foi prometida em casamento. Para manter-se fiel ao voto de castidade, fugiu de Constantinopla em uma pequena embarcação com destino à Terra Santa, no entanto, devido ao mau tempo e às fortes tempestades, a embarcação foi obrigada a atracar em Nápoles, na ilha Megaride, onde Santa Patrícia foi acolhida pelos monges bizantinos e morreu alguns meses depois. O corpo foi colocado numa carruagem nobre e depois de vagar pelas ruas de Nápoles, os cavalos, sem nenhum comando, pararam em frente à igreja de ordem basiliana dedicada aos santos Nicandro e Marciano, onde a virgem tinha estado pouco antes de morrer. A santa foi enterrada ali e tornou-se copadroeira da cidade junto com San Gennaro.

Em 1139, a fortaleza de Megaride foi ampliada e passou a se chamar castelo dell’ovo.
O que fazer em Nápoles na Itália Castelo dell'OvoSob o comando da dinastia Angevina, o castelo assumiu a função de sede da Câmara e de prisão de Estado, onde foram encarcerados o filho do rei Manfredo da Sicília, a princesa de Acaya e o filósofo Tommaso Campanella.

Em 1370, um forte maremoto causou sérios danos à estrutura do edifício e provocou o pânico generalizado quando foi difundida a notícia de que o ovo mágico que protegia a cidade havia quebrado durante a catástrofe. Para acalmar os ânimos da população, a rainha Giovana I de Anjou foi obrigada a fazer um discurso anunciando a substituição do ovo mágico quebrado por um novo ovo ainda mais mágico e mais potente e a reconstrução imediata do castelo.

Após inúmeras batalhas e devastações cruéis, a fortaleza viveu anos pacíficos com a dominação dos vice-reis espanhóis. Em 1555, o castelo passou a ser iluminado. Carlos de Bourbon tentou fazer da construção uma fábrica de vidros e espelhos.
Em 1799, funcionou pela última vez como fortaleza, acolhendo os partidários da República Napolitana. No século XIX, foi transformado em prisão.
Hoje é sede de exposições e um dos lugares turísticos mais simbólicos da cidade de Nápoles.
O que fazer em Nápoles Itália Castelo del Ovo NápolesAinda sem hotel? Faça a sua reserva para Nápoles, para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui.
Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.



Booking.com

Artigos relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *