Museus gratuitos em Milão

by · 30/10/2014

Eu já havia feito uma listinha dos principais museus e sedes expositivas de Milão, agora, para facilitar a vida de vocês, segue a lista dos museus gratuitos em Milão.
Em alguns museus, a entrada é sempre gratuita. Em outros, não se paga para entrar em alguns dias da semana (ou do mês) ou algumas horas antes do fechamento.

Museus que são sempre gratuitos em Milão:

Casa-Museu Boschi Di Stefano

Não deixe de visitar a casa-museu Boschi Di Stefano. Os quadros são muito bonitos, não se paga nada para entrar e a localização é estratégica: perto da Corso Buenos Aires.
Aberta ao público em 2003, a casa onde habitava Antonio Boschi e Marieda Di Stefano abriga uma coleção de aproximadamente 300 obras.
A coleção representa um extraordinário testemunho da história da arte do século XX, de 1910 até o final dos anos sessenta, e engloba pinturas, desenhos e esculturas de grandes artistas como Carrà, Lucio Fontana, De Chirico, Sironi, De Pisis e Boccioni.
Museus-gratuitos-em-Milão-Casa-museu-Boschi-di-StefanoHorário de funcionamento: de terça a domingo das 10:00 h. às 18:00 horas.
Endereço: Via Giorgio Jan, 15.
Metrô: linha vermelha, estação Lima.

Museu Alessandro Manzoni

Alessandro Manzoni, autor da obra-prima Os noivos (I promessi sposi), é um dos nomes mais importantes da literatura italiana.
O museu Manzoniano encontra-se na casa onde o escritor viveu com sua família desde 1814 até 1873.
É possível visitar o escritório e o quarto de Alessandro Manzoni e ver alguns documentos e manuscritos.
Museus-gratuitos-em-Milão-Casa-de-Alessandro-ManzoniHorário de funcionamento: de terça a sexta das 9:00 h. às 16:00 horas.
Endereço: Via Gerolamo Morane, 1.
Metrô: linhas vermelha e amarela, estação Duomo.

Museu Studio Francesco Messina

Aberto em 1974, o museu instalado na antiga igreja S. Sisto, expõe cerca de 80 esculturas (gesso, barro, bronze e cera) e em torno de 30 obras em papel do artista Francesco Messina.
Pontos turísticos em Milão Museus de arte em MilãoHorário de funcionamento: de terça a sexta das 10:00 h. às 14:00 h. e aos sábados das 14:00 h. às 18:00 horas.
Endereço: Via San Sisto, 4/A.
Metrô: linhas amarela e vermelha, estações Duomo e Missori.

Museus gratuitos em Milão no primeiro domingo do mês, às terças-feiras a partir das 14:00 horas e diariamente 1 hora antes do horário de encerramento:

GAM – Galeria de Arte Moderna

O prazer da visita é duplo: de um lado admira-se a arquitetura externa da Vila Real e o seu belo jardim, do outro, a decoração interna e centenas de pinturas e esculturas de uma das mais completas coleções italianas dedicadas à arte do século XIX, que engloba o trabalho de artistas como Modigliani, Gino Rossi, Pio Semeghini, Filippo De Pisis, Arturo TosiCarlo Carrà, Giorgio Morandi e Mario Sironi.

Galeria de Arte ModernaHorário de funcionamento: de terça-feira a domingo das 9:00 h. às 17:30 minutos.
Endereço: Via Palestro, 16.
Metrô: linha vermelha, estação Palestro.

Museus do Castelo Sforzesco

As coleções artísticas fazem do castelo Sforzesco um importante centro cultural.
Entre os diversos museus, destaca-se a obra-prima de Michelangelo, a Pietà Rondanini, no museu de Arte Antiga.
A Pietà Rondanini de MichelangeloHorário de funcionamento: de terça a domingo das 9:00 h. às 17:30 minutos.
Endereço: Piazza Castello.
Metrô: linhas vermelha e verde, estações Cadorna, Cairoli e Lanza.

Museu del Risorgimento

A vasta coleção de quadros, gravuras e relíquias conservada no Museo del Risorgimento ilustra o período histórico que compreende a primeira campanha de Napoleão Bonaparte na Itália em 1796 até a anexação de Roma ao Reino da Itália em 1870.
O percurso expositivo está organizado cronologicamente através de 15 salas temáticas e 2 salas temporárias, destacando-se: o manto da coroação de Napoleão Bonaparte na Itália e o estandarte da Legione Lombarda Cacciatori a cavalo, o primeiro tricolor italiano.
Turismo em Milão O museu do Risorgimento da Itália em MilãoHorário de funcionamento: de terça a domingo das 9:00 h. às 13:00 h. e das 14:00 h. às 17:30 minutos.
Endereço: Via Borgonuovo, 23.
Metrô: linha verde e amarela, estações Lanza e Montenapoleone.
Zona 1: Brera

Palácio Morando Costume Moda Immagine

A exposição abrange dois percursos: o primeiro engloba a pinacoteca com uma coleção de pinturas, esculturas e gravuras que testemunham a evolução urbanística e social de Milão desde a segunda metade do século XVII até os primeiros anos do século XIX, o segundo apresenta as salas da residência nobre, mostrando a decoração do século XVIII através de móveis e objetos de ornamentação originais da época.
Em janeiro de 2010, o museu foi enriquecido com uma coleção (Moda e Costume del Comune di Milano) de quase 6.000 peças de roupas, acessórios e sapatos (do fraque ao leque) dos séculos XVIII ao XX.
O que ver em Milão ItaliaHorário de funcionamento: de terça a domingo das 9:00 h. às 13:00 h. e das 14:00 h. às 17:30 minutos.
Endereço: Via Sant’Andrea, 6.
Metrô: linha vermelha e amarela, estações San Babila e Montenapoleone.

Museus gratuitos em Milão no primeiro domingo do mês:

Pinacoteca de Brera

Abriga obras de arte, italiana e estrangeira, do século XIII ao XX, de grande valor artístico como o Cristo Morto de Mantegna, a Madonna del Roseto de Luini, a Cena in Emmaus de Caravaggio e o Pergolato de Silvestro Lega.
No primeiro domingo de todos os meses, a entrada na pinacoteca é gratuita, no entanto, prepare-se para ficar na fila.
Museus-gratuitos-em-Milão-Pinacoteca-de-BreraHorário de funcionamento: de terça a domingo das 8:30 min. às 19:15 minutos.
Endereço: Via Brera, 28.
Metrô: linhas verde e amarela, estações Lanza e Montenapoleone.

Santa Maria delle Grazie

A entrada no refeitório do antigo convento Santa Maria delle Grazie, que abriga A última ceia de Leonardo da Vinci é gratuita no primeiro domingo de todos os meses, no entanto, a reserva deve ser, obrigatoriamente, feita por telefone +39 02 92800360.
As informações sobre a reserva, você encontra aqui.

Turismo em Milão Reserva de A última ceia de Leonardo da Vinci museu do cenacolo em MilãoHorário de funcionamento: de terça a domingo das 8:15 min. às 19:00 horas.
Endereço: Piazza Santa Maria delle Grazie, 2.
Metrô: linha vermelha e verde, estações Conciliazione e Cadorna.

Gallerie d’Italia 

O museu fica na praça Scala, no centro histórico de Milão, vale a pena conferir algumas das belas produções artísticas italianas dos séculos XIX e XX.
Os destaques ficam por conta das obras de Antonio Canova, Umberto Boccioni, Francesco Hayez, Gerolamo Induno, Lucio Fontana, Fausto Melotti e Bruno Munari.
Museus-gratuitos-em-Milão-Gallerie-d'ItaliaHorário de funcionamento: terça, quarta, sexta, sábado e domingo das 9:30 min. às 19:30 min., quinta-feira das 9:30 min. às 22:30 minutos.
Endereço: Piazza della Scala, 6.
Metrô: linhas amarela e vermelha, estação Duomo.

Ainda sem hotel? Faça a sua reserva para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui.
Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.


Booking.com

Artigos relacionados:

4 Comentários

  1. 05/11/2014

    […] menos de 700 metros, você encontrará, à sua esquerda: o Palazzo dell’Arengario, que abriga o museu del Novecento, e o Palazzo Reale, importante centro cultural sede de mostras e exposições; à sua direita, a […]

  2. 06/11/2014

    […] da Vinci, são paradas obrigatórias e ficam muito próximos uns dos outros e de Brera. No museu de Arte Antiga do Castelo Sforzesco o destaque fica por conta do último trabalho de Michelangelo, […]

  3. 21/03/2015

    […] alguns museus de Milão a entrada é gratuita, em outros, não se paga para entrar em alguns dias da semana ou do mês ou algumas horas antes do […]

  4. 13/06/2015

    […] é uma cidade rica em museus e alguns deles são gratuitos. Na praça do Duomo você encontrará o museu do Duomo, o museu del Novecento, o palácio real, o […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *