A cafeteira italiana tem nome e sobrenome: Moka Bialetti

by · 03/04/2016

Ao que tudo indica, o café foi introduzido na Itália no final do século XVI. De lá pra cá, muita coisa mudou. Além de o café ter passado a fazer parte da história e da cultura italiana, as técnicas de preparação, algumas delas um verdadeiro ritual, tornaram-se bem mais fáceis.

Muitos anos atrás, bebia-se um café extremamente forte, amargo e não filtrado, que era fervido inúmeras vezes e por muito tempo. Alguns séculos depois, foi a vez do filtro. No começo do século XX, foi inventada a cafeteira a vapor, que se transformou no método de fazer café mais utilizado na Itália.
onde comprar a cafeteira Italiana mokaA moka foi inventada por Alfonso Bialetti em 1933. O nome foi em homenagem à cidade Moca no Iêmen, famosa pela qualidade do café.

De acordo com a versão mais popular da história, a ideia da cafeteira a vapor surgiu nos anos vinte, enquanto Bialetti observava algumas lavadeiras lavando roupa num tanque com um tubo central que distribuía a água quente e o sabão aos tecidos: o processo de ebulição e de distribuição da água teriam sido a base do projeto.

O modelo original, octogonal, feito em alumínio e com a cintura estreita como as mulheres da época, sofreu poucas modificações ao longo dos anos, mantendo-se praticamente inalterado até os dias de hoje.
Cafeteira Bialetti MokaDe 1933 até o final dos anos quarenta, a produção da moka era artesanal e limitada ao mercado local. Nos primeiros cinco anos, foram vendidas apenas 70.000 cafeteiras.

No começo dos anos cinquenta, o filho de Alfonso Bialetti, Renato, apostou na publicidade e na criação de um logotipo para a cafeteira (o homem com bigode, que representava o próprio Renato), tornando-a campeã de vendas e um dos maiores fenômenos sociais da história da Itália.
Cafeteira italiana Moka BialettiEntre os anos de 1951 e 1959, a venda de cafeteiras triplicou. Em 1955, 65% da cafeteiras vendidas no mundo eram da marca Bialetti.

Na década de oitenta, a empresa foi comprada pelo grupo Faema. Na década de noventa, foi adquirida pelo grupo italiano Rondine.

Estima-se que 90% das famílias italianas tenham ao menos uma moka da Bialetti em casa e que, dos anos cinquenta até os dias de hoje, mais de 300 milhões de cafeteiras tenham sido vendidas.
Cafeteira típica italiana Moka BialettiAinda sem hotel? Faça a sua reserva para Milão ou qualquer outra cidade do mundo por aqui. Se você fizer a reserva utilizando a caixa do Booking abaixo, nós ganhamos uma comissão, assim, além de você conseguir um hotel bacana, pagando menos, ainda dá uma força para recompensar o trabalho do blog sem pagar nada a mais por isso, aliás, quem reserva pelo Booking recebe desconto em cima do preço normal do hotel. Quanto antes você fizer a sua reserva, mais baixos serão os preços.

Booking.com

Artigos relacionados:

2 Comentários

  1. Nidia Filomena Brito disse:

    Quero tanto uma cafeteira italiana ,pequena onde comprar ? QUAL O PREÇO ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *